• Terça-feira, 16 de Agosto de 2022
  1. Home
  2. Segurança
  3. Estadual: homem mata namorada asfixiada e joga corpo no rio

Segurança

Estadual: homem mata namorada asfixiada e joga corpo no rio

Bombeiros de Piratuba fazem buscas pelo corpo no lago de uma usina hidrelétrica no interior de Alto Bela Vista, no Oeste catarinense.

O namorado de Roseli Fátima Stoll, de 38 anos, confessou à polícia que matou a mulher asfixiada com uma cinta e jogou o corpo amarrado a uma pedra no meio do lago de uma usina hidrelétrica, no interior de Alto Bela Vista, no Oeste de Santa Catarina.

Quatro bombeiros militares da corporação de Piratuba, incluindo dois mergulhadores, iniciaram as buscas no rio Uruguai, nesta quarta-feira (8), a cerca de 10 km de distância do Centro de Alto Bela Vista, na comunidade de Entre Rios. Um bote inflável e o Grupamento Voluntário de Busca e Resgate com Cães ajudam na varredura no local, às margens da SC-469.

A confissão do crime à polícia ocorreu após a prisão do suspeito de 34 anos, por volta das 22h de terça-feira (7), em Antônio Prado (RS), a cerca de 270 km de Alto Bela Vista. O homem fugia em um Renault/Logan e tentou escapar de uma abordagem da Brigada Militar do Rio Grande do Sul na rodovia RS-122, mas mesmo assim acabou preso.

“Após cerca de 18 km de acompanhamento, conseguimos a abordagem do suspeito. Iniciamos os questionamentos, com base nas informações já repassadas, e notamos um nervosismo ao ser questionado sobre o paradeiro de sua ex-companheira”, explicou o 36º Batalhão de Polícia Militar em nota.

O homem tentou fugir a pé por uma região de mata fechada e de difícil acesso, contudo os policiais conseguiram captura-lo novamente. “Ele ofereceu resistência, mesmo imobilizado no chão, evitando entregar as mãos para o uso das algemas”, detalhou a polícia gaúcha.

O carro foi apreendido e passou por perícia com luminol, utilizado em perícias criminais de modo a identificar sangue no local do crime. O suspeito teve a prisão preventiva decretada e foi transferido para Concórdia, na região do Alto Uruguai.

Sumiço de Roseli

Roseli morava no bairro Nações, em Concórdia. A mulher foi vista pela última vez em um restaurante na área central, logo após sair do trabalho, por volta das 19h40 de quinta-feira (2). Familiares registraram um Boletim de Ocorrência na segunda-feira (6), pois ela não foi trabalhar e a casa não tinha sinais de arrombamento.

O namorado da mulher já era investigado pela polícia, pois estava foragido e teria passado por Florianópolis (SC) e Caxias do Sul (RS). Os dois estavam juntos há cerca de sete meses e ele não aceitava o fim da relação.

Fonte: tnsul

Arroio do Silva: Governador estará no Balneário nesta sexta-feira Próximo

Arroio do Silva: Governador estará no Balneário nesta sexta-feira

Bope faz retirada de objeto suspeito de ser artefato explosivo próximo à casa do governador Anterior

Bope faz retirada de objeto suspeito de ser artefato explosivo próximo à casa do governador

Inscreva-se em nossa Newsletter

Fique por dentro das nossas novidades.